O PROGRAMA ECO-ESCOLAS NA ESPR

O PROGRAMA ECO-ESCOLAS NA ESPR

Foi no passado dia 15 de dezembro que se hasteou a bandeira Eco-Escolas na Escola Secundária Pinheiro e Rosa. Galardão atribuído pela Associação Bandeira Azul Europeia (ABAE), referente ao trabalho desenvolvido em prol do ambiente e da educação ambiental na escola, no ano letivo 2019/2020.

Relativamente ao presente ano letivo, as atividades referentes à implementação do Programa Eco-Escolas iniciaram-se com a realização de uma auditoria ambiental, que constituiu o ponto de partida para a elaboração de um diagnóstico e um plano de ação. Este plano de ação foi alvo de discussão, no dia 17 de dezembro, na primeira reunião do conselho Eco-Escolas, constituído por representantes de toda a comunidade educativa. Marcaram presença na reunião um número bastante significativo de eco-delegados, cuja participação e proatividade foram bem demonstrativas do seu empenho em tornar a escola, a comunidade e o planeta mais sustentáveis.

O Plano de Ação para o ano letivo 2020/2021 abrange temáticas como os “Resíduos”, “Energia”, “Água”, ”Mobilidade sustentável”, “Alimentação equilibrada e sustentável”, “ Agricultura Biológica” e “Biodiversidade”. Serão desenvolvidas uma série de ações, com o envolvimento de toda a comunidade escolar, tendo como objetivo a promoção de comportamentos ambientais mais sustentáveis na escola e no meio. O funcionamento da oficina BikeMe e a cedência de bicicletas aos alunos, a horta biológica, a proteção da biodiversidade, o estudo dos princípios da dieta mediterrânica e o desenvolvimento de eco-ementas mediterrânicas, bem como a criação de brigadas de monitorização e o lançamento de campanhas de recolha de resíduos são algumas das iniciativas para o presente ano letivo.

É preciso desenvolver uma cultura de compromisso ambiental, o empenho e a participação de toda a comunidade escolar são fundamentais.

 

 A coordenadora do Programa Eco-Escolas
Isabel Nascimento